Portrait of an attractive woman in a chair at the table with cup and laptop, book, pencils, notebook on it. Concept photo

Em quais casos a fisioterapia RPG é indicada?

Por conta do aumento do uso de computadores, notebooks e até mesmo dispositivos móveis, o número de casos de má postura corporal cresceu consideravelmente em todo o mundo. O ato de se curvar frequentemente para realizar essas tarefas rotineiras passou a proporcionar cada vez mais problemas de coluna, de postura, ombros caídos, costas encurvadas, entre tantos outros, principalmente em jovens. Para amenizar essas e outras patologias, o tratamento de Reeducação Postural Global (RPG) é uma solução utilizada há muitos anos, sendo bastante eficaz, principalmente para as patologias posturais.

O método foi desenvolvido pelo francês Philippe Emmanuel Souchard após estudos sobre biomecânica, que resultaram na publicação de sua obra “Campo Fechado” em 1981, na França. O RPG, por sua vez, consiste no ajustamento da postura para que os segmentos do corpo sejam reorganizados, reequilibrando os músculos que proporcionam e firmam a postura, através de movimentos. Assim, ele é responsável por identificar e alongar os músculos que estão causando a disfunção postural, realinhando-os conforme a necessidade de cada paciente.

Como funciona na prática?

Na prática, são realizados exercícios periódicos para aliviar dores causadas por desvios de postura ou outros tipos de dores causadas por demais doenças, procurando alongar a musculatura, principalmente na região afetada.

É comum que os fisioterapeutas utilizem equipamentos para auxiliar e complementar os movimentos, como macas, banquetas de diferentes níveis, calços, entre outros. Aliado aos movimentos, também são aplicados exercícios de respiração, que são favoráveis para um equilíbrio emocional, além de auxiliar no processo de recuperação e alívio das dores.

Cada paciente recebe um tratamento totalmente personalizado, de acordo com a sua demanda de saúde, não havendo, assim, uma fórmula fixa de movimentos a serem executados. Por isso, é essencial que essa prática seja realizada por profissionais fisioterapeutas formados em RPG, para entender cada necessidade e como supri-las através da técnica.

Fundamentos do RPG e rotinas de tratamento

Apesar de ser um tratamento personalizado de acordo com as necessidades dos pacientes, existem três princípios básicos que fundamentam a prática, são eles:

• Individualidade, que prega justamente o princípio já descrito. Cada um tem a sua individualidade, não sendo indicados tratamentos padrões, mas sim focados em cada pessoa.
• Globalidade: prega-se que o corpo deve ser tratado como um todo e não somente na área lesionada. Leva-se em conta oito posições realizadas para colocar todo o corpo em estiramento, a fim de verificar a relação entre as tensões do paciente e promover o RPG de acordo com a totalidade.
• Causalidade: reforçando a premissa anterior, muitas vezes o local da dor está relacionado a outras doenças distintas a ele, por isso, tratar o corpo permite atingir mais facilmente a verdadeira causa do problema e, assim, tratá-la.

O tratamento do RPG geralmente é realizado entre uma ou duas vezes na semana, com cerca de uma hora de duração, dependendo do problema de cada paciente. Em alguns casos, é preciso aumentar a frequência para duas vezes por semana, como em dores agudas, por exemplo. Já em relação ao tempo de tratamento, somente o profissional poderá decidir a necessidade de cada caso, porém, já é possível ter uma previsão logo na primeira consulta.

É importante ressaltar que, apesar de tratar desvios ligados à postura, outras doenças também podem ser auxiliadas com as técnicas do RPG. Confira a seguir quais são as indicações principais e alternativas do método para a saúde humana:

Indicações e aplicações do RPG

Uma das principais diferenças desse método, em comparação com outros tipos de fisioterapia, está na forma de como definir a sua atuação. No RPG, se trata o indivíduo e não a patologia em si, procurando proporcionar um bem-estar total do corpo e da saúde humana.

Indicado para ambos os sexos e para todas as idades normalmente a partir dos 07 anos, o RPG consegue auxiliar, principalmente, as doenças ligadas ao sistema neuromusculoesquelético, sejam elas agudas ou crônicas, além de desconfortos comuns causados por problemas morfológicos, traumáticos, de articulação, esportivos e até mesmo respiratórios.

Através da fisioterapia constante com a técnica, podem ser tratadas dores na lombar, lesões por esforço repetitivo (LER), dores dorsais, hérnias de disco, dores nos pés causadas por posturas errôneas, torcicolos, hipercifose dorsal (costas encurvadas), tensão muscular, joanete, artrose, problemas nas articulações e na posição dos joelhos, ombros caídos, pé chato, síndrome cabeça de texto, entre tantas outras.

Outras patologias

Além dessas, que são ligadas à parte neuromuscoesquelética do corpo humano, outras patologias mais diferenciadas também têm ligação com o RPG para seu tratamento: doenças respiratórias, como a asma e bronquite; reumatológicas, como a tendinite, artrose, artrite etc.; oculares, como o estrabismo; somáticas, como problemas digestivos, circulatórios, ansiedade e estresse; problemas no períneo quanto à incontinência urinária; tonturas; falta de fôlego; ergonomia; formigamento; entre outras.

Para as pessoas recém-operadas, os movimentos do RPG também ajudam, como no pós-operatório, pós-parto, sequelas deixadas pelo mal de Parkinson, de subluxação, de fraturas, entre outras. Mulheres grávidas também podem tirar proveito da técnica, preparando a gestante para o momento das dores do parto e do relaxamento necessário para esse procedimento. Muitos obstetras vêm indicando o RPG para suas pacientes.

Além dessas aplicações, o RPG também é bastante útil para a vida de atletas de diversos esportes, que sofrem constantemente com lesões musculares e dores recorrentes, melhorando a dor, a postura, a respiração e, consequentemente, a performance dos mesmos.

Tomando como base a quantidade de patologias que podem ser tratadas e até mesmo curadas com o RPG, percebe-se que esse método não possui contraindicações comprovadas até então para a sua aplicação, uma vez que não é invasivo e não prejudica outros problemas de saúde.

Confira na galeria de fotos todos os nossos serviços que estão disponíveis para reabilitações em fisioterapia: www.soniatakara.com.br. Caso possua alguma dúvida, entre em contato conosco através do telefone 11 4777-9311.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email
Fechar Menu