cinesioterapia-o-que-e-e-para-quem-e-indicado-20180918172218

Cinesioterapia: O que é e para quem é indicado?

A cinesioterapia consiste no tratamento da região tensionada através da movimentação dos tecidos, músculos, tendões e ligamentos que a envolvem. Mesmo que naturalmente se procure a estabilidade dos movimentos para não sentir dor, somente através de exercícios a função do músculo esquelético é recuperada. Assim, o paciente alcança o alivio da dor, o reequilíbrio muscular, a melhora da postura e a amplitude de movimentos.

Para quem ela é indicada?

Todas as pessoas que apresentam lesões e traumas ortopédicos podem ser submetidas ao tratamento da cinesioterapia, desde que respeite as fases da lesão (aguda, subaguda e crônica). Dentro deste grupo também estão aqueles que apresentam menor mobilidade por motivo de idade ou condições físicas genéticas ou adquiridas. Ela vai atuar positivamente para recuperar  a funcionalidade dos movimentos do dia a dia e fazer com que volte a ter liberdade e maior independência de movimentação.

Esta prática promove uma recuperação contínua e constante para os pacientes. Entretanto, para os desportistas ela é essencial, uma vez que seus músculos, tendões e ligamentos são submetidos a intensas tensões. A forma mais imediata da recuperação plena do funcionamento musculoesquelético está em movimentar, sob orientação, a região lesionada.

A ação do fisioterapeuta na cinesioterapia

O fisioterapeuta aplica as técnicas terapêuticas através de movimentos orientados, procurando reverter o quadro de limitação da articulação ou  músculo. Contudo, o seu trabalho não está restrito ao pós-lesão, ele pode ser ativo na prevenção de possíveis lesões e na correção de posturas e movimentos.

Antes de começar um tratamento a base dos conhecimentos de cinesioterapia, é necessária haver um encaminhamento médico no caso de pós-cirurgia entre outros. Para isso o fisioterapeuta  deve estar ciente de cada passo, de cada quadro evolutivo do paciente.  Desta forma é possível ter precisão sobre a sua melhora e o que ainda tem que ser trabalhado.

Os benefícios envolvidos na cinesioterapia

No geral, os benefícios da cinesioterapia estão envolvidos na redução de dores musculares, no aumento da amplitude dos movimentos que o paciente deve realizar no cotidiano, na reeducação da postura e no reequilíbrio muscular. O mais comum é que esta terapia seja recomendada para aquelas que apresentam problemas cardíacos, respiratórios, neurológicos, disfunções ortopédicas ou que apresentam algum tipo de lesão no sistema musculoesquelético.

Há também exercícios físicos que podem estimular a coordenação motora. O que é ideal para idosos, pois proporciona a ele o manutenção ou a elevação o seu desenvolvimento motor através de fortalecimento. Indicados pela cinesioterapia, os movimentos são classificados em dois tipos: existem os ativos, quando parte do próprio paciente a prática do movimento, e outro é o passivo, que necessita do auxílio terapêutico para motivá-lo.

Por fim, para aqueles que têm dificuldades de caminhar, o treino de marcha pode auxiliar na mais breve recuperação possível. Este restabelecimento pode ser em ganhos parciais ou totais. O paciente apresenta satisfação e bem estar por poderem voltar a desenvolver seus exercícios e atividades comuns com autonomia, autoconfiança e tranquilidade.

Visite o nosso site! Lá você pode acessar todos os serviços oferecidos. Entre em contato conosco pelo site, e-mail ou telefone e tire todas as suas dúvidas.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email
Fechar Menu